Critica – The OA

Oi pessoal, tudo bem com vocês?

Hoje vamos falar sobre a série que deu um nó na minha cabeça. Sério mesmo, a série e uma loucura (só perde pro Dirk Gently – Agencia de detetives olísticos).

the-oa-2.jpg

RESUMO

OA é uma mulher cega que ficou desaparecida por seis anos que simplesmente reaparece do nada, sozinha em um hospital, após uma tentativa de suicídio frustrada. E assim, gentilmente, logo na primeira cena, no meio da sua cara, temos uma loira pulando de uma ponte. Você há de concordar comigo que com esse começo eletrizante e esquisito que basta mas as bizarrices não param por aí.

Brit Marling interpreta Prairie Johnson ou a personagem principal “OA”. Eu nunca tinha ouvido falar da atriz quanto mais assisti-la. Posso garantir a vocês que ela é ótima, não consigo imaginar OA sendo vivida por outra pessoa, ela é realmente show.

the-oa-hap-850x478

Enquanto Prairie estava desaparecido ela fazia parte de um experimento/tese cientifica de um medico um tanto quanto focado demais vamos dizer assim. Determinado em conseguir documentar experiências após a morte, o doutor Hunter Hap, interpretado divinamente pelo perfeito Jason Isaacs de tantos e tantos filmes incríveis, e também por Harry Potter – Malfoy. Ele é o tipo de personagem que você não ama, mas respeita, são tantas facetas, tantas nuances, é uma riqueza só a construção desse médico, apaixonante. Foco foco no resumo Bia… Voltando, ele basicamente reune 5 pessoas presas dentro de quadrado maligno viveiro de gente estranho. Coloca eles para interagir e os testa dia após dia. Todos tiveram experiências pós morte e caíram na lábia de Hap impreterivelmente.

the-oa-cativeiro.jpg

A trama da serie se passa enquanto OA compartilha o que viveu com alguns adolescentes de sua cidade, é enquanto ela conta as histórias para eles que vamos descobrindo que ela é russa, como ela ficou cega, quando voltou a enxergar e muitas outras coisas mais.A vida dela é realmente interessante (para dizer o mínimo sem spoilers), e somos a apresentados as suas experiências de vida e pós morte que misturam luzes, realidade, imaginação e o que mais sua mente permitir que você pense que vê na serie. Isso é pura magia.

PORQUE VALE A PENA?

A série é um pouco lenta as vezes, mas acredite, vale a pena. Ela mistura realidade, aventura, suspense, ficção cientifica, medicina, música, dança, máfia, cara eu nunca vi tanta coisa junta numa série tão curta. São apenas 8 capítulos cara, pelo amor de Deus. É muita riqueza. As vezes fica a sensação que poderia ter entregado mais, mas acho que a ideia foi mais intrigar e envolver do que resolver tudo de fato. Talvez OA não tenha mais temporadas, mas quem se importa??? O negocio e conversar horas, meses, anos sobre tudo que que rola por lá. Ta loko.

the-oa-netflix-dest-1-1000x563-853x480.jpg

APROVADA?

Super recomendo. Se você quer ter assuntos com seus amigos mais geeks forever, assista a série. Se você quer ver ótimas atuações, assista a série. Se você quer ver algo novo, algo realmente estimulante, assista a série. Agora se você gosta de tudo mastigadinho, essa série não e para você. Se realidade é seu segundo nome, não assista. OA é uma série para se permitir.

Só para finalizar:

Apaixonada s2

The OA - Netflix - 1ª temporada - Hap_thumb[2].jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s