Devocional Semanal -Das Coisas Sobre Silêncio

Existe tempo para cada propósito debaixo do céu […] tempo de calar e tempo de falar. (Eclesiastes 3. 1b e 7b).

Sabe aquilo que estamos sempre ouvindo mas quase nunca escutando? Pois é, esses versículos já estão na boca do povo há muitos séculos , já são válidos até para os que não creem. Então, diz aqui pra tia Bia, porque você não escuta? Porque a gente insiste em não aceitar que isso é correto e que os resultados são os melhores para nós?

Não me entendam mal, é bom compartilhar com as pessoas os sonhos, desejos, planos, ideias mas, é melhor ainda saber o que, com quem e quando compartilhar.

close-up-watch-chain-dial-time-wallpaper-flowers.jpg

A questão aqui não é o famoso e, não crível por mim, olho gordo, ou até mesmo nossa velha inimiga inveja. O ponto é, os limites da cobrança e a expectativa pertencem a você. Imagina o seguinte exemplo simplista: você planejou uma mudança capilar radical, resolveu pintar o cabelo de azul e comentou com as amigas na maior empolgação. Só que, uma semana depois, você acordou se achando linda e bela com seu cabelo castanho natural e decide não pintar. Tudo lindo até aí, mas lembra que você abriu sua boca grande pras amigas? Elas, na próxima vez que te encontram vão perguntar: Ué, cadê o cabelo azul? Desistiu? Porque? Como assim? Explica? Ah não é possível…. E por aí vai.

Pensa também que Deus colocou um sonho no seu coração: pregar no sul da Bahia vivendo em meio aos ribeirinhos. Aí você e sua boca grande (como já dizia a incrível Joyce Meyer) vai lá e escancara pra geral. Só que, meus queridos, a gente pode até achar que o tempo é nosso mas, a realidade é que o tempo é de Deus. Se Ele não acreditar que você não está pronto para receber uma benção você não a terá. Se Ele acreditar que você ainda deve “escalar mais algumas montanhas” é isso que você fará (ou pelo menos, se quiser sair do lugar, é isso que deve fazer). E é assim, não adianta espernear, entregou a vida pra Ele não foi? Então segue no barco.

Mais uma coisinha. Você gosta de se explicar? Eu particularmente detesto. Você acredita que as pessoas podem mudar de ideia sobre as mais diversas coisas? Eu acredito. Porque então a gente não entende isso e vive dessa forma? Não sei e, quer saber, desisti de entender.

Meu conselho para você hoje é: feche a boca!

Compartilhe com menos pessoas, planeje mais antes, ou simplesmente faça algo e aproveite com a maioria das pessoas apenas para comemorar, rir ou chorar.

Há sabedoria no silêncio. Há sabedoria nas escolhas de amor. Há sabedoria no tempo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s