Série das Coisas – Sobre esse mundo louco

Meu Deus, o que está acontecendo com esse mundo louco? Porque tanto egoísmo e tanto ego? Porque tanta maldade disfarçada de bondade?

rio-doce

Essa semana coroou um ano doloroso para todo o mundo, em especial para nós brasileiros. 2015 não será tão cedo esquecido.

Quando se fala de insanidades no mundo, temos dois casos extremos e dolorosos na França, mais mortos na Carolina do Norte nos EUA por causa de sua fé, centenas de jovens assassinados na Tunísia, no Kuwait, na Nigéria, no Quênia e não me lembro mais em que países africanos… Tanta dor promovida por questões, religiosas, ideológicas, políticas, tantas vidas perdidas por uma causa onde a luta não deveria ser assim. Tanta intolerância, tanto egocentrismo. Tanto eu estou certo e você não tem o direito de discordar então, morra. Tanto lero lero nas redes sociais que só fazem aumentar a tristeza dos envolvidos diretamente ou indiretamente (a maioria de nós).

O mundo está em desordem.

No Brasil voltamos há uma época onde aplicações variando a juros são interessantes, temos dinheiro mas não gastamos por medo, ou não temos dinheiro porque não dá pra viver com o básico mais, vemos tantos aumentos de tudo, uma inflação crescente e assombrosa. Dias difíceis. Temos a menina dos olhos da Vale, a Samarco, sendo acusada de tantras coisas terríveis. A pior delas, matar nossos rios, tirar a água da casa das pessoas do interior de Minas, que é um dos estados no nosso país mais necessitado. Não sei se vocês já viram minério, eu me criei em meio as montanhas e sei bem como aquele pó, cheio de brilho, que não sai por nada. Nesse meio, vemos uma mídia vendida, sendo um quarto poder medíocre. Não podemos ser hipócritas e ignorar que o Brasil ganha muito dinheiro com mineração, é nada mais nada menos que o segundo maior exportador de minério de ferro do mundo. Para coroar o caos, ainda vemos pessoas discutindo o sexo dos anjos, falando muita besteira sem se importar com nada (achando que se importa) e, no fim, poucas sem envolvendo no que é necessário de fato.

O Brasil está uma desordem.

Não será a conversão de todos ao Islamismo que irá resolver as coisas. Não será o impeachment da Dilma que ira acertar o rumo do Brasil. Me recuso a mencionar algo ainda sobre a posição do presidente da câmara Eduardo Cunha. Não é a Samarco injetar dinheiro (que ela tem de sobra) que vai resolver. Também acredito que não é colocando foto nas redes sociais de solidariedade ou ainda discutindo na Internet uns contra os outros que vamos resolver as coisas. Precisamos ser mais tolerantes, precisamos ter mais amor. Não mais amor conforme circula por aí no melhor estilo de “mais amor por favor”!. É mais amor de verdade. É mais paciência. É ter caridade. Se importar com o próximo. Respeitar.

Nós estamos uma desordem.

O ser humano precisa ser reformado. Você precisa ser organizado dentro de si. Eu preciso me organizar. Nós precisamos aprender que juntos somo um e, dessa maneira somos fortes e com Cristo podemos todas as coisas.

Vamos juntos promover uma mudança, que começa em você, que começa em mim. No dia em que ver o simples nos atos, no eu sendo menos egoísta, no eu tendo o ego reduzido, veremos menos sangue no nosso mundo. Veremos menos pessoas na rua. Veremos menos gente passando fome. Veremos pessoas menos distraídas com o vazio e, consequentemente mais unidas.

Isso é mais amor por favor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s